publicado por [FV] | Terça-feira, 01 Janeiro , 2008, 15:10

 

Fernando Vidal, nasce em 1950, em Lisboa, no Castelo de S. Jorge.

 

Inicia aos 12 anos o seu percurso nas artes, no Centro Artístico Infantil do pintor aguarelista João Hermano Baptista que, dentro das muralhas daquele monumento e gratuitamente, emprestava os seus cavaletes e ensinava os elementares princípios do desenho e da pintura aos meninos que dele se abeirassem e desejassem aprender. Mais tarde torna-se seu assistente no ensino e apoio ao Centro Artístico.

 


Aperfeiçoa os seus conhecimentos com os escultores Batalha e Branco de Paiva e com o pintor / gravador João Hogän. Frequenta a ESBAL (Faculdade de Belas Artes) e a Ar.Co. Conhece o escultor Lagoa Henriques que o marca profundamente na sua maneira de olhar/ver.

 

Nos anos 80, quando partilha o ateliê do Pintor José Nuno da Câmara Pereira, desperta para a temática da ‘imaginação da matéria’ na vertente poética dos quatro elementos da natureza - ar, terra, fogo e água.

 

Paisagista. Clássico na expressão mas não na forma. Pinta as paisagens do seu imaginário. Pintura intimista, onde não pinta o que vê mas como ‘diz que vê’. Propõe a todos, que depois de verem as suas pinturas, passem a ‘ver’ o mundo pelos seus olhos e com ele se identifiquem.

 

 

 

 


pesquisar neste blog
 
RSS