publicado por [FV] | Terça-feira, 01 Janeiro , 2008, 11:12

 

 

Horário
de 2ª a 6ª das 14H30 às 18H30
Sábados das 10H00 às 13H00
Domingos e Feriados: Encerrada
Morada da Galeria:

Rua Padre António Vieira, 22-B  |  Venda Nova | Amadora

 

 As obras que agora apresento foram iniciadas em 2007, quando pintava um conjunto de trabalhos sobre a temática do Alentejo nas várias vertentes da sua paisagem.
Por inacabadas nunca foram apresentadas no périplo de exposições individuais que se seguiram por Alter do Chão, Arronches, Avis, Fronteira, Monforte, Nisa, Portalegre, V. V. de Ródão e Vila Viçosa. Por mais de 2 anos estiveram «esquecidas» num canto do ateliê. No final do ano passado voltei a «olhar» para elas com vontade de as resolver. São mais estes «olhares» sobre a paisagem campestre que a agora exponho na Galeria Espaço Artever.

 

 

 

 

 

 

 

 

Quando convidei o meu filho José a expor comigo na apresentação desta série de 9 pinturas sobre o campo (Alentejo) apenas lhe pedi que as suas fotografias nos mostrassem o seu modo de o olhar.

 

 

‘’Olhar o campo’’
A fotografia de José Vidal reflecte muito da sua personalidade, da maneira de ser e de estar na vida e, de como se envolve com a sociedade.
Atento. A objectiva da sua câmara fotográfica, capta esse seu modo de estar. As suas escolhas mostram a particularidade do seu “olhar”.
Preocupado. A Terra e a forma como o Homem se envolve com a Natureza, são uma das suas motivações e paixões. Para si a paisagem é um todo. Mesmo quando esse todo se limita a um único pormenor.
Exigente. Procura nestas suas fotografias que se sinta o vento e se oiçam os silêncios. Que se recordem os cheiros e se repouse a vista e o coração.
Insatisfeito. Tem sempre mais uma fotografia para tirar e quando acaba tem sempre menos uma que pretendia ter.
Mas sobretudo para mim o José é um excelente ser humano. Mas isto sou eu a dizer, que sou seu pai.
Um muito orgulhoso, pai.

José Vidal [fotografia]
Lisboa, 1990

Em 2002 faz o curso de iniciação à Fotografia na Ar.Co. Está representado na exposição de fim de curso na Cordoaria Nacional, em Lisboa, conjuntamente com os alunos finalistas da Ar.Co.
Actualmente frequenta o 3º ano de Arquitectura Paisagista no ISA, Instituto Superior de Agronomia (UTL), na Ajuda, Lisboa.
Desde o 1º ano que tem exposto regularmente na Faculdade e apoiado outros colegas na apresentação dos trabalhos facultando as suas fotografias a quem assim o pretenda.

Nesta exposição apresenta 10 fotografias.

 

Inauguração:

 

 

 

 


pesquisar neste blog
 
RSS